Entre a suspeição e a empatia

desafios e limites da pesquisa sobre o curso de vida de adolescentes autores de atos infracionais

  • Lucas Caetano Pereira de Oliveira Departamento de Sociologia/UFMG
  • Gabriela Gomes Cardoso Programa de Pós Graduação em Sociologia - Universidade Federal de Minas Gerais
  • Bráulio Figueiredo Alves da Silva Universidade Federal de Minas Gerais
Palavras-chave: Sistema de justiça juvenil, Trabalho de campo, Perspectiva do curso de vida

Resumo

Neste trabalho pretendemos refletir sobre a metodologia e o trabalho de campo da pesquisa "Trajetórias e narrativas de adolescentes: efeitos deletérios no curso de vida e a resposta infracional". Essa pesquisa se destinou a investigar o curso de vida de 373 jovens que passaram pelo Sistema de Justiça Juvenil (SJJ) na cidade de Belo Horizonte. Entre novembro e dezembro de 2016, coletamos dados sobre esses jovens através de análise documental do Plano Individual de Atendimento (PIA), documento obrigatório integrante dos processos do Sistema de Justiça Juvenil em que um técnico narra alguns pontos da história do jovem. Posteriormente procuramos encontrar esses jovens no território para realização de uma entrevista narrativa, com o intuito de conhecer a visão do jovem sobre sua própria história. O processo de busca foi registrado em notas de campo, que retratam encontros, desencontros e percepções sobre as situações vivenciadas. No presente trabalho nos questionamos sobre quais são as condições necessárias para o deslocamento de uma atitude de suspeição para o estabelecimento de relações de empatia entre o pesquisador e o sujeito de pesquisa. Refletiremos também sobre o contexto, em que a própria abordagem do pesquisador desperta a suspeição dos sujeitos de pesquisa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Lucas Caetano Pereira de Oliveira, Departamento de Sociologia/UFMG

Mestre em Sociologia pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e pesquisador do Centro de Estudos de Criminalidade e Segurança Pública (CRISP)

Gabriela Gomes Cardoso, Programa de Pós Graduação em Sociologia - Universidade Federal de Minas Gerais

Doutoranda em Sociologia pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e pesquisadora do pesquisador do Centro de Estudos de Criminalidade e Segurança Pública (CRISP)

Bráulio Figueiredo Alves da Silva, Universidade Federal de Minas Gerais

Professor Adjunto do Departamento de Sociologia da Universidade Federal de Minas Gerais (DSO/UFMG) e pesquisador do Centro de Estudos de Criminalidade e Segurança Pública (CRISP)

Publicado
2020-05-27
Como Citar
Caetano Pereira de Oliveira, L., Gomes Cardoso, G., & Figueiredo Alves da Silva, B. (2020). Entre a suspeição e a empatia: desafios e limites da pesquisa sobre o curso de vida de adolescentes autores de atos infracionais. Revista De Estudos Empíricos Em Direito, 7(2), 88-107. https://doi.org/10.19092/reed.v7i2.458